quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Participação no CIC e CEC

  10616458_702947229780857_2885771508527176269_n 10557424_702947299780850_2271100339328354878_ncic 10426100_702947259780854_6043729994150183280_n 10414525_702947483114165_8707227685738824685_n 1383402_702947456447501_3356064680705487355_n

Nos últimos dias 08 , 09 e 10 do mês corrente, os bolsistas do LabUrb apresentaram os projetos que se desenvolvem no Laboratório, dentro do Congresso de Extensão e Cultura e do Congresso de Iniciação Científica. Ambos são sediados e organizados pela UFPEL. 

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Oficina sobre Planejamento Ambiental/Urbano

Na última quarta-feira (28.08.14) o Laboratório de Urbanismo recebeu o Secretário de Planejamento Municipal de Jaguarão-RS Pedro Caetano, juntamente com a Arquiteta responsável pelo Planejamento Urbano Letícia Fernades. Os bolsistas Clarissa Neutzling, Luciano Cerentini e Andrio Oliveira Cardoso, ministraram os ensinamentos e discussões acerca do planejamento ambiental/urbano, orientados pelos Professores Maurício Polidori e Otávio Peres.

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

CEC 2014 - CONGRESSO DE EXTENSÃO E CULTURA

equipe do PROEXT-2014 estará participando do  Congresso de Extensão e Cultura promovido pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura - CEC 2014. Com o tema geral  “memória e muitos tempo”, o congresso quer valorizar a memória e a trajetória da UFPel e  e de suas relações com as comunidade. Para participar, o programa de extensão “Cidade para todos, cultura digital e ambiente: compartilhando o espaço de Jaguarão, RS” apresentará a forma como se desenvolve, seus métodos e resultados na construção de conhecimento, em parceria com a Prefeitura Municipal de Jaguarão.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

OFICINAS PROEXT

 Dias 25 e 26/06/2014 foi realizada a primeira etapa da oficina de Zoneamento Ambiental-Urbano do PROEXT 2014, da qual participaram representantes da Prefeitura de Jaguarão e do Laboratório de Urbanismo da FAUrb-UFPel. Foram utilizados os softwares Google Earth, CAD MAP, RasterDesign e QGis 2.2, nos quais foram trabalhados dados do SIG_Jaguarão_3 (em elaboração pelo Laboratório de Urbanismo), imagem de satélite QuickBird (da Prefeitura Municipal), dados gratuitos da internet e legislações federais e estaduais.
Os resultados mostram as APPs incidentes na área efetivamente urbanizada e entorno (respectivamente em vermelho e em amarelo, na imagem), assim como as áreas de amortecimento (em azul na imagem). A esse resultado serão acrescentados dados de geologia, topografia, dinâmica hídrica e patrimônio cultural. Ficou combinado que serão produzidas pelo menos duas alternativas de zoneamento ambiental-urbano, as quais vão sugerir níveis ou intensidades de preservação e de urbanização.

A agenda de trabalho agora é de atividades não presenciais, com troca de informações pela internet. Está marcado um encontro em Pelotas para o dia 30/07, quarta feira, com apresentação e discussão das duas alternativas geradas para o Zoneamento Ambiental-Urbano, feitas pelas equipes da Prefeitura de Jaguarão e da FAUrb-UFPel.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Encontro pré-Congresso de Iniciação Científica-CIC

Na tarde dessa quarta-feira, bolsistas do LabUrb se encontraram para entender como funciona o Congresso de Iniciação Científica, e como as pesquisas a serem apresentadas devem se desenvolver. O Congresso é organizado pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG) e ocorrerá, no Campus Porto, de 09 à 12 de setembro de 2014. Esse, tem por objetivos principais, fomentar as pesquisas que estão sendo sediadas nas faculdades e aproximar a pesquisa universitária da sociedade. O LabUrb, por sua vez, apresentará propostas de pesquisas de desenvolvimento breve, baseadas nas atividades de extensão que ocorrem dentro do Laboratório.

sábado, 28 de junho de 2014

Reunião com Prefeitura Municipal de Jaguarão

Em reunião dia 25/06, a equipe do PROEXT 2014 esteve com o Vice Prefeito de Jaguarão, com o Secretário de Planejamento e Urbanismo e com representantes da equipe técnica, tratando da continuidade dos trabalhos de extensão e da parceria entre a FAUrb e a Prefeitura. O grupo convergiu para a necessidade de reforçar a equipe da Prefeitura e para manter as oficinas sobre geotecnologias, zoneamento ambiental e habitação de interesse social. Foi indicada como meta para 2014 elaborar e discutir com a comunidade uma proposta de revisão do perímetro urbano, de zoneamento para a preservação e de distribuição geral de densidades populacionais em área urbana.

terça-feira, 24 de junho de 2014

Os professores Maurício Polidori e Otávio Peres respondem como o Programa de Extensão Funciona e quais seus objetivos dentro do Laboratório de Urbanismo da Faculdade de Arquitetura.

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Oficinas do PROEXT 2014 - Introdução ao Geoprocessamento e Zoneamento Ambiental

Começam na quarta e quinta feira, dias 25 e 26 de junho, as Oficinas do PROEXT 2014, com o tema de Introdução ao Geoprocessamento e Zoneamento Ambiental. Serão utilizados dados do projeto SIG de Jaguarão (em andamento), particularmente a imagem Quick Bird de alta resolução, o mapeamento do ambiente natural e o mapa de altitudes, sobre os quais serão representadas as bacias e sub-bacias hidrográficas, as unidades ambientais, as altitudes e as declividades. Através de análise espaciais avançadas apoiadas em geotecnologias serão mapeadas as APPs, as zonas de amortecimento e a área efetivamente urbanizada, de cuja superposição e propostas de projeto serão indicados níveis de preservação, renaturalização e compensação, bem como delimitada a área urbana consolidada. As oficinas são destinadas à equipe de técnicos e gestores da Prefeitura de Jaguarão, a professores, alunos e funcionários e da FAUrb UFPel e à comunidade em geral.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

LEVANTAMENTO FOTOGRÁFICO EM JAGUARÃO PARA O SIG-WEB

Contando com câmeras com GPS integrado, os bolsistas do PROEXT começaram a fotografar as principais ruas de jaguarão. O levantamento será feito ao longo do ano, e cobrirá, além das principais demarcações viárias, pontos importantes para a cidade e, em menor escala, para os bairros. O levantamento está sendo deferido pelos mapas da cidade de fronteira, como toponímia, áreas de zoneamento ambiental, uso do solo etc. As imagens serão utilizadas para que o mapa ganhe vida: fique interativo e seja reconhecido pela população geral. Seguindo o esquema que os principais mecanismos de Georreferenciamento funcionam, as fotos estarão disponíveis com um “clique” em pontos dos mapas, com uma precisão quase exata, em relação ao local em que foi tirada.